José Ribamar Ferreira sutiyuq runaqa, icha Ferreira Gullar (* 10 ñiqin tarpuy killapi 1930 watapi paqarisqa São Luís llaqtapi - 4 ñiqin qhapaq raymi killapi 2016 watapi wañusqa Rio de Janeiro llaqtapi), huk Flag of Brazil.svg Brasil mama llaqtayuq qillqaqpas runam, purtuyis simipi qillqaqmi.

Ferreira Gullar (1930-2016)
Ferreira Gullar

Taytan: Newton Ferreira; Maman: Alzira Ribeiro Goulart.

Alma mater: .

QillqasqankunaLlamk'apuy

HarawiLlamk'apuy

  • Muitas vozes (1999)
  • O formigueiro (1991)
  • Barulhos (1987)
  • Crime na flora ou Ordem e progresso (1986)
  • Na vertigem do dia (1980)
  • Poema sujo (1976)
  • Dentro da noite veloz (1975)
  • Por você por mim (1968)
  • História de um valente (1966)
  • A luta corporal e novos poemas (1966)
  • Quem matou Aparecida? (1962)
  • João Boa-Morte, cabra marcado para morrer (1962)
  • Poemas (1958)
  • A luta corporal (1954)
  • Um pouco acima do chão (1949)

WillakuyLlamk'apuy

  • Resmungos (2007)
  • O menino e o arco-íris (2001)
  • Cidades inventadas (1997)
  • Gamação (1996)
  • A estranha vida banal (1989)

AranwaLlamk'apuy

  • Um rubi no umbigo (1979)

PayyuyayLlamk'apuy

  • Relâmpagos (2003)
  • Rembrandt (2002)
  • Cultura posta em questão/Vanguarda e subdesenvolvimento (2002)
  • O Grupo Frente e a reação neoconcreta (1998)
  • Argumentação contra a morte da arte (1993)
  • Indagações de hoje (1989)
  • Etapas da arte contemporânea: do cubismo à arte neoconcreta (1985)
  • Sobre arte (1983)
  • Uma luz no chão (1978)
  • Tentativa de compreensão: arte concreta, arte neoconcreta - Uma contribuição brasileira (1977)
  • Augusto do Anjos ou Vida e morte nordestina (1977)
  • Vanguarda e subdesenvolvimento (1969)
  • Cultura posta em questão (1965)
  • Teoria do não-objeto (1959)

SuñaykunaLlamk'apuy

Kaypipas qhawayLlamk'apuy

Hawa t'inkikunaLlamk'apuy

"https://qu.wikipedia.org/w/index.php?title=Ferreira_Gullar&oldid=641845" p'anqamanta chaskisqa (Wikipedia, Qhichwa / Quechua)